Empreendedorismo

Mente Empreendedora: os 3 pilares que sustentam o empreendedorismo

Realização Empreendedora Mente TDAH

 

Desde que decidi me dedicar a área financeira tenho passado um tempo me dedicando aos estudos e aplicações de conhecimento e habilidades aprendidas. Algumas dessas coisas eu tenho chamado de componentes de uma mente empreendedora.

Ao longo dos anos, praticando o empreendedorismo e aprendendo com o desenvolvimento de negócios, e além disso, estando em contato com outros empreendedores, tenho percebido certo padrão na vida daqueles que fazem acontecer e alcançam o sucesso.

Tenho buscado implantar e desenvolver as mesmas habilidades na minha vida e nos meus negócios. E agora vou te apresentar 3 componentes que considero fundamentais para o desenvolvimento de uma mente empreendedora:

 

 Visão

O empreendedor precisa ser alguém de visão. Ele necessita enxergar mais longe, e por enxergar mais longe normalmente, é mal compreendido e até chamado de maluco, não é mesmo? Ser chamado de louco por sua visão não é algo ruim. Isso só mostra a maravilhosa capacidade de ver o que outros ainda não estão vendo.

Apesar das pressões da sociedade para enfiar a pessoa dentro do sistema de não questionamento, o empreendedor de visão se mantém inconformado com o estado atual e natural das coisas e está sempre em busca de alguma forma para executar o que está vendo.

 

Coragem

Não basta apenas ter visão. Ter visão é importante, pois ela determina onde você deseja chegar. Mas se não houver coragem para encarar os riscos e desafios que aparecem ao longo do caminho, o empreendedor será mais um visionário que não tira do papel suas “visões”.

A coragem não fala de não ter medo, mas sim de encarar os medos e desafios de frente. Encarar os desafios é outro pilar do empreendedorismo, porque se não for dessa forma, tudo continuará do jeito que está.

 

Competência

O terceiro pilar do empreendedorismo é a competência. Ela tem a ver com realização, com fazer acontecer. Se o empreendedor não tiver competência de fazer acontecer através de seu empreendimento, vai continuar perdido.

A falta de competência leva à falência, isso porque normalmente a competência é substituída pela preguiça, vitimismo ou pelo preciosismo. E isso se torna um grande perigo para a vida de qualquer empreendedor. Tome cuidado!

 

Esses são os três pilares que acredito sustentarem o empreendedorismo. Se você deseja se tornar um empreendedor, é importante se atentar a esses pontos.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.